Dia 24 de junho, aconteceu:
Ano 1976.
A Lei Falcão mumificou a horário eleitoral gratuito na televisão. A propaganda política se limitava à apresentação de uma foto 3 x4 acompanhada da leitura de um breve currículo do candidato. Antes disso, os candidatos da oposição, o MDB, surravam os do governo, a ARENA, nos debates televisivos. Para impedir o crescimento da oposição, a ditadura militar apelou para a mumificação, sem as bandagens. A lei tomou o nome do Ministro da Justiça, Armando Falcão. A lei Falcão e outras mudanças eleitorais patrocinadas pelo governo militar foram apelidadas de “casuísmos eleitos”, medidas desesperadas para não perder o jogo eleitoral.
 
   
 
Porto Alegre, 24 de junho de 2018 .

   


www.dominodehistoria.pro.br - Todos os direitos reservados
Website by Camila Moscardini